Dirigindo em Miami – Nova Lei

5

Nova lei que requer visitantes internacionais a ter uma Carteira de Motorista Internacional está suspensa.

Até recentemente, turistas só precisavam da uma carteira de motorista do pais de origem para dirigir na Florida (por um period de 90 dias). No dia primeiro de janeiro de 2013, uma nova lei no estado da Florida entrou em vigor. A lei determina que visitantes internacionais que pretendem dirigir na Florda precisariam de uma carteira de motorista internacional além da carteira de motorista original do seu pais.

Depois que os órgão relacionados a indústria de turismo ficaram cientes da lei, um pedido para suspensão da lei foi feito e aceito. Os órgão alegam que a lei é contraditória ao Tratado de Genova, cujo os Estados Unidos faz parte e pode impactar o turismo no estado.

Por agora a lei está suspensa até segunda ordem. Para quem está planejando vir a Miami no future e vai alugar carro, é aconselhável verificar se ouve alguma atualização na situação da nova lei para evitar chegar a Miami e não poder alugar um carro por falta da documentação necessária.

Tentarei manter esse post atualizado quando souber de alguma novidade com relação a nova lei.

Compartilhe

Sobre o Autor

Brasileira com orgulho, amante da cidade de Miami. Venho compartilhar com vocês o que aprendi nos últimos 12 anos morando em Miami e convida-los a dividir as suas experiências em Miami aqui no DM.

5 Comentários

  1. Leonardo on

    Vou viajar para Miami durante 15 dias.
    Onde posso verificar se a Lei continua suspensa?
    Obrigado

  2. mauricio on

    OLa.

    Venho lendo seus posts e gostaria de saber se a lei que exige carteira internacional ainda esta suspensa. Vou para a Florida no final do ano.

    obrigado!

    • Mauricio,

      A lei ainda está suspensa. Você pode dirigir por 90 dias com sua carteira do Brasil, passaporte com visto válido e o I-94.

  3. Estarei indo a Miami na próxima semana. Vc sabe se houve alguma modificação na regra para alugar carros? Precisa mesmo da carteira internacional?

Deixe uma Resposta